Sindicato Intermunicipal dos Professores no Estado de Santa Catarina

“Em defesa de nossos direitos – Fundado em 1968”

Em um país em que a maioria da população desconhece uma das maiores autoridades em EducaçãoPaulo Freire, e pior, demoniza-o sem mesmo o conhecer, pouco ou nada há que comemorar em relação à educação.

Mais sentido faz, infelizmente, analisarmos racional e friamente a máxima do saudoso Antropólogo Darcy Ribeiro: “A crise da educação no Brasil não é uma crise; é um projeto”.

Cito estes dois importantes pensadores brasileiros com o intuito de provocar professores, estudantes, políticos, população em geral que estejam de fato preocupados com os rumos da Nação, para que analisem como está a educação hoje em nosso país.

O que percebo é o sucateamento das escolas públicas, em todos os níveis de ensino, a ingerência desastrosa de fatores ideológicos ultraconservadores tanto na rede pública quanto na rede privada de educação, o retrocesso no ensino aprendizagem, o desinteresse dos adolescentes e jovens no modelo de escola vigente e a incidência massiva de doenças ocupacionais, físicas e principalmente psíquicas que acometem milhares de professores, de trabalhadores em educação em geral. Isto me parece ser resultado do ambiente pouco atrativo e muito mais hostil, das incertezas de manutenção do próprio emprego, das altas demandas exigidas e dos salários muitas vezes aviltantes pagos a quem se dedica a tão nobre ofício.

Desejo, no entanto e trabalho bastante para que a realidade da educação seja transformada, que o discurso sem prática seja calado e que o grito da mudança ecoe por todos os rincões deste imenso país, para que a máxima de Darcy Ribeiro fique definitivamente no passado, como triste lembrança, como história a ser conhecida, estudada, entendida e jamais repetida, que a máxima seja em breve e perenemente: “O êxito da educação no Brasil é resultado de um projeto”.

Professor Carlos Magno da Silva Bernardo
Presidente

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um + 7 =

Pular para o conteúdo